quinta-feira, 24 de junho de 2010

Ensaio de um drama por resolver

Prevemos facilmente para onde Blood Diamond está direccionado quando se vê Di Caprio a tentar representar um mercenário durão, na guerra civil na Serra Leoa, com o pior sotaque britânico de sempre, e cortejando um mulherão como Jennifer Connelly.

Mas fraquezas à parte, e apesar de o filme não ser nada de espectacular, aqui senti-me mais tocado pelo drama africano do que em milhentas reportagens vazias de contexto, nos telejornais. Porque se continua a ver todos os dias as mesmas imagens, sem nos questionarmos acerca das mesmas?

Sem comentários: